Cartoons da Guerra Fria

Cartoons da Guerra Fria

Meet King Joe (1949)

King Joe é um trabalhador americano que irá nos ajudar a entender porque “os Estados Unidos da América são o melhor país do mundo para se viver”. Seu imenso salário e as muitas horas de tempo livre fazem com que ele seja o trabalhador com a maior capacidade de consumo e qualidade de vida de todo o mundo. Mas isso não se deve a sua força física. Nem a sua inteligência superior. Nem a sua raça. Isto se deve à forma como as coisas são feitas na américa. This is how we do it.

Obs: Infelizmente os videos estão em inglês. Um dia, quem sabe, eu tenho uma grande crise de boa vontade e legendo tudo isso. Mas o audio deste vídeo está muito bom e o inglês tá bem facinho.

Going Places (1948)

Tudo começa quando Freddy era apenas um garotinho e pensa como seria bom não ter que trabalhar. Como é um garoto esperto, ele começa a quebrar a cabeça e tem o grande insight de sua vida: Se Freddy descobrir uma forma de fazer mais depressa o sabão que sua mãe vende para os vizinhos e amigos, ele poderá realizar todos os seus sonhos de diversão: ir pescar, nadar no lago, jogar baseball…

Munido desta grande idéia, Freddy faz o lógico: Trabalha que nem um condenado, anos a fio para, um dia, poder parar de trabalhar.

Os anos passam e Freddy continua, incansável, gastando todo o seu tempo para descobrir de que forma perder menos tempo. Depois de anos e anos, trabalhando noite e dia, ele chega la. Eureca! Sabão em barras! “Soap in cakes”. E sabão em barras é tudo que o mercado estava precisando, afinal, as donas de casa estão sempre atrás dessas novidades úteis para o lar.

Com os negócios prosperando, Freddy finalmente tem seu sonho realizado: Surge um tempinho livre. Mas Freddy não é mais um garotinho e bobagens como “pescarias” não é o que as moças mais bonitas esperam de um rapaz. Freddy então percebe que tudo o que quer na vida é se casar e ser um marido e pai respeitável de uma feliz família americana. Assim, Freddy faz o que todo chefe de familia tem que fazer: larga a vara de pescar e vai de novo morrer de trabalhar. “A guy can fish anytime”, não é mesmo Freddy?

Freddy fica rico e todos os empregos que sua empresa de sabão dá contribuem para o desenvolvimento da comunidade. Freddy também produz impostos. E é com o dinheiro dos impostos de Freddy que o governo constrói escolas, bibliotecas, ruas, parques e todo tipo de coisa boa. E como se isto nao fosse o bastante, nas horas vagas Freddy até investe o dinheirinho extra em pesquisa. Esse Freddy…

O tempo passa e a demanda se torna muito maior do que Freddy poderia imaginar. Freddy coloca então sua brilhante mente para pensar e Eureca! Resolve criar uma corporação. Com dinheiro emprestado de bancos e seguradoras, economias confiadas à si por seus empregados (essa parte do filme não entendi bem, os empregados estariam comprando ações?), e etc Freddy constroi sua corporação. E graças a corporação de Freddy, todo mundo que precisa tem sabão na américa!

Mas, como nem tudo na vida são flores, eis que o diabinho da ganância faz Freddy entrar em um péssimo negócio. A empresa de Freddy e a de um concorrente fazem um acordo escuso para fixar preços em patamares bem acima do praticado anteriormente. “Vamos ficar ricos”, pensam os dois. Mas que nada. Um outro concorrente, muito mais esperto, aparece e começa a vender sabão a 1/3 do preço do sabão em barra das outras companhias. Ele fica rico. Freddy e o mau amigo são punidos por leis anti-truste e anti-cartel do governo. Como explica a voz misteriosa que-tudo-narra, a livre competição funciona em 99% das vezes. Para todo o 1% restante, é necessário intervenção do governo. E ele a faz por meio da aplicação destas normas, chamadas “leis”.

Freddy então, aprende a lição: É preciso seguir as leis; Ser bilhonário, mas só até certo ponto (afinal que graça tem ser podre de rico sozinho?); Garantir um salário capaz de sustentar seus empregados de pé, para que eles possam trabalhar e produzir os justos dividendos dos capitalistas. E com esses dividendos, tornar a América grande e feliz.

“The End”.

PS: O filme acaba e Freddy morre sem pescar.

Obs: Este filme é mais educativo, explica de forma bem romantizada e distorcida, o funcionamento do capitalismo. O nome que aparece no seu início é “Fun and Facts about American bussiness” (Diversão e Fatos sobre os negócios americanos). Não sei se é o nome do video em si ou de uma série a respeito do tema. O inglês é um pouquinho mais chato nesse filme, por isso resolvi contar a história inteira. E eu passei um tempão achando que e”Soap of cake” era “Bolo de Sopa” 🙂

Gostaram? Outro dia eu posto mais.

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Eu vi: Cartoons com as etiquetas . ligação permanente.

3 respostas a Cartoons da Guerra Fria

  1. Denize diz:

    De onde tu tirou essas preciosidades??? Muito bom!!! Pra o post ficar perfeito só faltou aquela parte que a gente descobre quem fez e para que fez essas coisinhas!!! Posso fazer um post para vc colocar no seu blog sobre o filme da Mafalda???? Um especial “meus amigos também pensam”, vai!

  2. dsoares08 diz:

    Eu tirei do Youtube! Uma vez o “Midia sem Máscara”, aquele site dos generais-neo-republicanos-reformados, postou um video chamado “Make Mine Freedon”, que era bem nessa linha. Ai eu descobri que existe mais um monte desses filmes no youtube e várias outras preciosidades. Tem até cartoons de propaganda nazista! Só que não é legendado, ai já fica mais difícil pro meu alemão inexistente. Eu tentei procurar na internet sobre essas produções “educativas” da disney, mas não consegui encontrar muita coisa. So resuminhos dos filmes mesmo, em sites arquivo.
    FECHADÍSSIMO a série meus amigos também pensam hahahaha!
    Eu quero esse DVD!!!! Me dá de aniversário! 20 de Março! To esperando.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s